No dia do embarque para viagem internacional, é importante comparecer ao aeroporto com no mínimo três horas de antecedência, portando os seguintes documentos de viagem: passagem aérea, passaporte, visto e comprovantes de vacina – caso o país de destino exija -, e declaração temporária de bens, que serve para registrar objetos de valor já pertencentes ao passageiro, e que estão sendo levados na viagem. Verifique antes de ir para o aeroporto todos os documentos. E não esqueça de incluir na estimativa de tempo para ir ao aeroporto eventuais congestionamentos.

A existência dessa declaração evita que a Alfândega considere novo um produto comprado no Brasil, incluindo seu valor na cota de produtos importados. Assim, se o passageiro estiver levando equipamentos eletrônicos importados, é necessária a aquisição do registro de saída na Receita Federal, dentro do aeroporto, para que o produto não seja incluído, no retorno, na cota de compras no exterior. Para o registro dos aparelhos, não é necessária a nota fiscal de compra, somente o próprio equipamento.

Artigos relacionados
Uma prática comum às companhias aéreas é confirmar mais reservas do que o número de assentos disponíveis no avião. Normalmente, esse procedimento não causa prob...
Leia Mais [+]
As compensações pelo não-embarque em caso de overbooking serão oferecidas a todos os passageiros, como em um leilão, em troca da aceitação de embarcar em outro ...
Leia Mais [+]